Slow living

Slow living: é possível ter uma vida mais calma?

Se você escolheu ler este artigo, é porque já notou que vale a pena ter uma vida mais tranquila, não é? Muitas vezes, devido ao nosso dia a dia tão atribulado, é fácil esquecer que podemos mudar nossos hábitos para melhor. Pense, por exemplo, como seria bom trocar a agitação pela calma. Aliás, você já ouviu falar em slow living

É um movimento que traz a ideia de viver o cotidiano sem correria, com mais qualidade de vida, priorizando aquilo que é importante, sem pressa e sem estresse. Certamente, o slow living — que foi inspirado no slow food — pode nos levar a reflexões profundas sobre como estamos vivendo ou qual caminho queremos seguir.

Para levar uma vida mais calma, há algumas possíveis atitudes a serem incorporadas em nosso jeito de viver que contribuem muito. Confira a seguir algumas delas.

Curtir a natureza para aplicar o slow living

Frequentemente, o corre-corre diário não nos permite perceber como a vida pode nos presentear com espetáculos exuberantes: nascer do sol, lusco-fusco, arco-íris e tantos outros. Têm também as sensações incríveis da natureza, como o cheirinho de chuva, colocar o pé no riacho ou o frescor da mata.

Na correria, não é possível contemplar tudo isso. Algumas mudanças com o intuito de no aproximarmos da natureza, como frequentar um parque ou dar uma escapada no fim de semana, podem fazer muita diferença em nossas vidas. Podemos experimentar pequenas transformações e sentir de perto o que o movimento slow living nos propõe.

Priorizar uma vida simples, mas confortável

Quantas vezes compramos produtos que são, realmente, inúteis para nós? Sem contar quando realizamos compras completamente fora do contexto de nossas vidas e necessidades.

Experimente viver com mais simplicidade, sem tanto consumo desnecessário. Isso não quer dizer que não iremos consumir mais. Vamos sim, mas de forma consciente.

Ter tempo para momentos preciosos

Quer coisa mais importante e preciosa do que ter tempo para fazer o que realmente queremos? Pode ser estar com a família, os amigos ou desenvolver algum trabalho manual e criativo.

Seja o que for, ter tempo para desfrutar de pequenos prazeres é essencial para ter uma vida muito mais calma e significativa.

Apreciar ou realizar um trabalho artesanal

Um trabalho manual pode ser realmente relaxante. Aliás, o artesanato faz parte da vida de muitas pessoas. Seja como hobby ou fonte de renda. Você pode fazer os próprios objetos de decoração de seu lar ou colaborar com quem faz.

Para quem tem habilidades e gosta, “botar a mão na massa” pode ser muito bom. Recortar, colar, escolher papeis para montar um scrapbook, por exemplo, pode trazer paz e tranquilidade enquanto você recorda de bons momentos. 

Depois de conhecer esse movimento — o slow living —, você vai querer priorizar seu bem-estar para viver com mais qualidade, certamente! É fundamental separar um tempinho para cuidar de si mesmo e para perceber como o mundo à nossa volta pode ser incrível. Afinal, é possível, sim, viver com mais calma. Vamos tentar?

Assuntos como o deste post são importantes para você? Então, que tal assinar a nossa newsletter para garantir uma boa leitura?

Quer receber mais conteúdos como esse ?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This